pular para o conteúdo [1]

Menu Principal

Fim do Menu Principal

Doações

Por princípio, o IPC compreende que mais importante do que doar um pouco do que nos sobra, é dividir um pouco do que temos.  Quando dividimos um pouco do que temos, mostramos menos apego pela acumulação de bens e pensamos mais na coletividade e na cooperação.

Por isso, todo o trabalho social do IPC, busca sempre o fortalecimento do coletivo e da cooperação entre todas as pessoas e parceiros envolvidos nas garantias dos direitos das pessoas com deficiência visual, que residem ou participam das atividades sociais, educacionais, artísticas e culturais da instituição.

Uma organização do porte do IPC, dificilmente conseguiria realizar todos os atendimentos que  as pessoas com deficiência visual necessitam, sem as contribuições da coletividade. Junto com um gesto de amor, dividir um pouco do que temos representa um gesto de solidariedade humana e comprometimento social com aquelas pessoas mais necessitadas e instituições que realizam ações para atender este público.

Desta forma, pessoas individualmente, famílias, empresas, instituições governamentais e não governamentais e órgãos públicos, podem destinar ao IPC, suas respectivas doações.

Todas as contribuições serão muito bem vindas e desde já externamos o nosso agradecimento, pela decisão de dividir com o IPC um pouco da sua solidariedade humana e comprometimento com a nossa causa social.

As doações formam uma parte muito importante do conjunto de tudo o que o IPC necessita na manutenção das suas atividades. Quando determinados produtos, bens ou insumos não são diretamente utilizados com as pessoas cegas que residem na instituição e com aquelas que participam das demais atividades, as doações são destinadas ao bazar, vendidas e convertidas em renda financeira para contribuir no custeio de tantas outras despesas.

Existem duas formas de ser um dos parceiros do IPC:

Doações de produtos: alimentos perecíveis e não perecíveis, como frutas, legumes e verduras, pães, leite, farinhas, arroz, feijão, macarrão etc., materiais de higiene, de limpeza, móveis, aparelhos de informática, eletrodomésticos e itens para venda no bazar da instituição. Neste caso, as doações devem ser entregues na sede do Instituto ou podem ser retiradas pelo IPC no local - entre em contato com o setor pelo 41 3342-6690.

Doações em dinheiro: os recursos custeiam serviços, atividades, projetos e a própria manutenção do IPC, do CAEE e da Moradia Acolhedora. As doações podem ser de R$ 20, R$ 40, R$ 60 ou R$ 100, únicas ou periódicas.

Para doar, use o botão abaixo:

ou

Depósitos que podem ser feitos nas seguintes contas juridicas:

BANCO DO BRASIL (001)
Agência: 1622-5
Conta Corrente: 210197-1
CNPJ: 76.623.867/0001-65

PIX: 76.623.867/0001-65 


CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (104)
Agência: 1565-3
Conta Corrente: 500.161-7     Operação:003
CNPJ: 76.623.867/0001-65

 

Baixar arquivo
Voltar